Blog do Nel

I'm only half a body without your embrace.

Shakira se inspirou nas mulheres solteiras



Atenção, solteiras. A cantora colombiana Shakira revelou que as músicas de seu novo álbum, "She wolf", tratam sobre a eterna busca das mulheres pelo príncipe encantado.
"A idéia de que um príncipe vai surgir para nos salvar é algo muito comum entre as mulheres da minha idade ", diz a cantora de 32 anos. "Algumas das novas canções revelam devaneios e fantasias minhas, mas também experiências vividas por amigas próximas".
A vencedora do Grammy diz que as mulheres à procura do homem salvador vão se identificar com músicas como "Did it again" e "Men in this town". Entretanto, Shakira parece não lidar com a questão. A cantora mantém um relacionamento com Antonio de La Rua, filho do ex-presidente argentino Antonio de La Rúa, por quase uma década.
Em recente entrevista, a estrela internacional falou sobre seu novo CD, relacionamentos e motivos pelos quais ainda é apaixonada pela própria carreira.

• Sobre o que é este álbum exatamente?
De uma maneira geral, o disco foi composto sob uma perspectiva bastante feminina. Talvez porque, hoje em dia, entenda mais sobre o que é ser mulher e os benefícios que isso traz. Tenho uma melhor compreensão sobre o assunto. Acho que entendo minha mãe melhor agora do que há dez anos. O disco é sobre aquelas velhas idéias sobre achar o homem certo, histórias sobre a indisponibilidade dos homens e a impressão de que os melhores já têm compromisso.

• Mas você sabe lidar com isso, certo?
Sim (risos). Mas, infelizmente, nem todo mundo sabe. E é duro. Então, procurei retratar esse outro lado da realidade feminina. "Did it again" é sobre cometer o mesmo erro repetidas vezes, que é o que acaba acontecendo com as mulheres por causa da nossa natureza emocional, aquela natureza sensível, romântica e sonhadora.

O CD traz algumas faixas dançantes. Você se inspirou em boates e casas noturnas?
Shakira — Na verdade, não. Moro nas Bahamas, saio apenas quando estou em turnê com a minha banda. Gostamos de frequentar esses lugares sim, mas não é algo que faça com frequência. Vivo uma vida simples.

• Você e Wyclef fizeram outro dueto neste disco. Existiu algum tipo de cobrança ou pressão para que fizessem algo tão bom quanto "Hips don't lie"?
Sabia que seria difícil compor uma música com a mesma pegada de "Hips don't lie", e torná-la tão grande quanto ela. Acho que, quando nos deparamos com uma música assim, com um imenso significado para ambos, a coisa fica mais difícil. Os parâmetros ficam muito elevados. Repetir a mesma fórmula poderia deixar a coisa muito chata, se transformar numa tarefa impossível. Não estávamos pensando sobre "Hips don't lie,", mas sim em nos divertir. Sinto como se esse novo dueto fosse uma pequena jóia no álbum. Gosto da sonoridade. É suave e sexy ao mesmo tempo. Há também um pouco de fantasia ali.

• Você já gravou muitos discos. O que existe de especial neste?
Queria ter certeza de que a fantasia estaria presente nestas canções. Acho que a música de hoje está bastante direta e crua. Me recuso a deixar as metáforas morrerem. E me recuso a deixar a fantasia na música morrer. Admiro tanto pessoas como David Bowie e Michael Jackson, pessoas que, em seu tempo, entraram em contato com sua própria criança interior, suas próprias fantasias e sonhos. E, de alguma forma, colocaram isso nas canções. Me sinto inspirada. Quero dar asas à imaginação e deixar minhas músicas se transformarem em caçadores de borboletas.

• Você tem vivido esta vida há 13 anos. O que te surpreende mais quando você analisa sua carreira?
Não que me importe menos hoje, mas surpreendentemente ainda me preocupo bastante com ela. Deveria pensar menos nisso, pois já estou nessa há alguns anos. Ainda assim, me surpreendo de como ainda me importo tanto. Este álbum é como se fosse o meu primeiro. Não há diferença entre como me sinto hoje e como me sentia aos 13 anos. Sinto como de fosse dona do meu próprio nariz.

Fonte: G1

0 Comentários:

Postar um comentário

Olá! Como vai? Aqui é o Nel.

Eu gosto de conhecer meus leitores, então se você não tiver perfil em alguma conta abaixo , por favor, escolha a opção "Nome/URL". E em "URL" você pode colocar o link do seu perfil no Twitter, por exemplo.

Obrigado por comentar! Volte sempre.